Como atingir metas? 5 razões científicas para "ficar na sua"

como atingir metas

"Vou escrever um romance!"

Eu abri o bico e disse para todo mundo cheia de orgulho.

Isso foi em 2010...

Eu era uma estudante universitária bem antenada que tinha acabado de descobrir o NaNoWriMo, uma campanha na internet que acontece todo ano para incentivar futuros autores a escrever 50.000 palavras durante o mês de novembro.

O futuro era promissor.

Eu compartilhei publicamente minhas intenções e todos os olhos se voltaram para mim.

Duas coisas importantes para alcançar nossos objetivos, certo?

Errado. 

Eu nunca terminei esse romance.

Embora tenha atingido a marca de 50.000 palavras, abandonei o manuscrito logo nos primeiros estágios de edição.

O que será que aconteceu?

Algumas pesquisas indicam que ter compartilhado o meu objetivo foi justamente onde eu errei.

Por isso, antes de dividir seu sonho grande com todo mundo, vamos estudar as razões - segundo a ciência - para você ficar na sua, caso queira realmente atingir suas metas.

Razão #1: Receber elogios antecipados pode fazer você se acomodar

Provavelmente a pesquisa mais popular sobre compartilhamento de metas e motivação seja de Peter Gollwitzer, da NYU.

Em 2009, Gollwitzer e seus colegas publicaram pesquisas (em inglês) indicando que o simples ato de compartilhar abertamente seu objetivo pode fazer você se esforçar menos no trabalho necessário para alcançá-lo.

Em um estudo, os alunos do curso de direito foram convidados a preencher um questionário que media comprometimento deles em aproveitar ao máximo as oportunidades acadêmicas.

Aqueles cujas respostas indicavam um alto nível de comprometimento para se tornarem advogados foram divididos em dois grupos.

Para o primeiro grupo, um pesquisador examinou o questionário de cada participante e, em seguida, pediu que confirmassem que a resposta que assinalaram era realmente o que pretendiam: fazer de tudo para se tornarem advogados.

O segundo grupo, no entanto, simplesmente colocou seus questionários em uma caixa e, assim, eles subentenderam que suas respostas ficaram anônimas.

Depois disso, ambos os grupos receberam 45 minutos para trabalhar em alguns casos legais. O primeiro grupo, cujas respostas eram reconhecidas, passou menos tempo trabalhando nos casos do que o grupo das respostas desconhecidas.

Os pesquisadores concluíram que, quando alguém sabe da sua meta pessoal, esse reconhecimento social é uma recompensa que pode fazer com que você se acomode e não se esforce tanto.

Então, nesse caso, os estudantes que declararam que estavam comprometidos em se tornar advogados já haviam alcançado essa meta pessoal em sua mente, graças ao reconhecimento das respostas por parte do pesquisador.

Portanto, se você quer saber como atingir metas, aqui vai a dica: se uma meta muito pessoal e importante estiver em jogo, como uma meta de vida por exemplo, talvez seja melhor guardá-la só para si.

Assim, os elogios prematuros não farão com que você sinta como se já tivesse alcançado seu objetivo.

Anote esta dica: sua meta é pessoal e muito importante ? Nesse caso, receber reconhecimento social antes de alcançá-la pode diminuir suas chances de terminar o trabalho.  

Razão #2: Receber “elogio pessoal” ao invés de “elogio por um método” pode diminuir sua motivação

como atingir metas

Em um estudo do Reed College (em inglês), os pesquisadores tentaram avaliar o efeito de certos tipos de elogios em nossa motivação. Eles selecionaram 111 estudantes universitários para um dos três grupos:

  • Elogio pessoal: quando um feedback é dado diretamente ao indivíduo.

  • Elogio ao processo: quando um feedback dado ao método adotado pelo indivíduo.

  • Nenhum elogio: nenhum feedback.

Em seguida, cada grupo foi convidado a realizar 3 testes de raciocínio lógico.

Depois de completar os 2 primeiros, os alunos do grupo de elogio pessoal receberam comentários por escrito, como estes: “Excelente! Você deve ter um talento natural!”

Os alunos do grupo de elogio ao processo receberam feedbacks do tipo: “Excelente! Você deve estar usando algumas estratégias realmente eficazes!” E o terceiro grupo não recebeu elogio algum.

Já o último teste de raciocínio lógico tinha como objetivo induzir o fracasso.

Então, os alunos de todos os grupos recebiam feedback que simplesmente diziam: "Você não se saiu tão bem quanto da última vez."

Depois dos 2 primeiros testes, as respostas do questionário mostraram que não houve efeito sobre a motivação intrínseca dos participantes. Mas depois do “fracasso” no terceiro teste, os resultados mostraram que, em geral, o elogio pessoal era menos motivador do que o elogio ao processo.

Idosos, em particular, relataram maior motivação intrínseca após o elogio ao processo versus elogios pessoais ou nenhum elogio.

Esses resultados levaram os pesquisadores a inferir que “todas as faixas etárias depois da pré-escola parecem ser mais positivamente afetadas pelo elogio ao processo do que o elogio pessoal, depois de se deparar com um fracasso”.

Embora seja natural que as pessoas que você ama lhe elogiem após você compartilhar uma meta, este estudo sugere que, quando alguém lhe elogia por um traço inerente à sua personalidade - sobre o qual você tem pouco ou nenhum controle - isso não é muito útil.

Além disso, em alguns casos, pode ser menos motivador do que não receber nenhum elogio, principalmente depois que você fracassou em algum projeto.

Assim, se, por exemplo, você contar para todo mundo que quer

  • se tornar fluente em mandarim,
  • e todos responderem com elogios pessoais, do tipo: "Nossa, você deve ser muito inteligente!"
  • e você não passar no teste do mandarim,
isso vai afetar negativamente a sua motivação para atingir seu objetivo.

É mais útil se as pessoas reagirem com elogios ao seu processo, por exemplo: "É uma ótima ideia essa de estudar novos vocabulários todas as manhãs".

Anote esta dica: Se você quer saber como atingir metas e utilizar os elogios a seu favor, é melhor não contar suas metas para pessoas que tendem a dar elogios pessoais.

Isso pode diminuir sua motivação.

Por outro lado, se você estiver contando com pessoas para compartilhar seus progressos, peça que elogiem especificamente os seus processos, ou simplesmente, não façam elogios.

Razão #3: Se é inexperiente, um feedback negativo pode fazer você desistir

como atingir metas

Em 2011, a professora da Universidade de Chicago, Ayelet Fishbach, revisou a pesquisas existentes e realizou novos estudos para determinar como o feedback positivo e negativo afeta o esforço para atingir metas.

Ela e sua equipe descobriram que:

  • Quando um feedback positivo ressalta seu comprometimento com uma meta, isso aumenta a motivação.

  • Quando os feedbacks positivos ressaltam o progresso em direção à meta, isso, na verdade, diminui a motivação.

Um exemplo que os pesquisadores dão é sobre um estudante de matemática que obtém uma boa nota em uma prova. Se ele entender que boa nota significa que ele gosta de matemática, ele estudará mais.

Se, no entanto, ele encarar a pontuação alta como um sinal de que está progredindo em seus estudos, o estudante pode relaxar e se esforçar menos.

Para testar como atingir metas com a ajuda de feedbacks, Fishbach e sua equipe estudaram alunos americanos matriculados em aulas de francês no nível iniciante e avançado.

Eles descobriram que os alunos da turma de iniciantes estavam mais interessados em ter um instrutor que enfatizasse o feedback positivo. Em contraste, os alunos da turma avançada estavam mais interessados em um instrutor que enfatizava o feedback negativo.

Em um estudo de acompanhamento de outros estudantes americanos aprendendo datilografia em alemão, os pesquisadores encontraram resultados semelhantes: à medida que os participantes avançavam, uma proporção maior buscava feedback negativo.

Os pesquisadores concluíram que os iniciantes estão preocupados em avaliar seu comprometimento em relação à meta, por isso, é mais provável que se atenham a uma meta quando recebem feedback positivo.

Os avançados, por outro lado, estão preocupados com o progresso real em direção a uma meta, por isso, é mais provável que se atenham a ela quando recebem um feedback negativo.

Portanto, se sua meta for correr uma maratona e você for um corredor experiente, o ideal é compartilhar sua meta com outro corredor que possa dar um feedback crítico de como cumprir essa meta, para ajudar você a melhorar.

Por outro lado, se esta é a primeira vez que você realiza uma corrida, compartilhe sua meta com alguém que lhe dará feedback positivo para incentivar você.

Anote esta dica: se você é um iniciante e quer saber como cumprir metas com ajuda de elogios, tenha em mente que precisa de um feedback positivo. Mas se for um especialista, faça o oposto, procure feedbacks críticos. Pode ajudar bastante dizer à pessoa exatamente que tipo de feedback você precisa nesse momento.

Razão #4: "Prestação de contas" nem sempre funciona

"Estou lhe contando isso para que você possa me cobrar e medir meu esforço!" Quantas vezes você disse isso depois de contar para todo mundo seu novo objetivo?

Embora o conselho tradicional exija que você procure um parceiro para “prestar contas” de seu progresso, pesquisas sugerem que, em alguns casos, esse acompanhamento de um terceiro pode diminuir sua motivação.

Um estudo de Michael Enzle e Sharon Anderson (inglês) revelou que, quando um estudante estava sendo monitorado por um pesquisador cuja intenção era controlar seu comportamento (seja para garantir que ele estivesse se esforçando ou para avaliar seu desempenho), a motivação intrínseca do aluno diminuía.

Porém, se o estudante for informado de que o pesquisador estava observando apenas por curiosidade, não houve efeito na motivação intrínseca do participante.

Além disso, um estudo de George Cvetkovich descobriu que quando os estudantes achavam que precisariam explicar suas decisões sobre o futuro a um amigo, eles se lembravam de regras sociais de julgamento com mais precisão do que aqueles que foram informados de que estavam sendo avaliados por um estranho.

Então, quando a “prestação de contas” a alguém pode ajudar a cumprir suas metas? Talvez quando seu parceiro de responsabilidade seja um amigo.

Um pesquisa da Dominican University (inglês) constatou que mais de 70% dos participantes que enviaram um relatório de progresso semanal a um amigo conquistaram suas metas. Por outro lado, apenas 35% dos participantes que mantiveram seus objetivos só para si - e não os anotaram - atingiram seus objetivos.

Anote esta dica: Quer saber como planejar e atingir metas com ajuda de um parceiro?  Ele é um amigo ou amiga em quem posso confiar para acompanhar meu trabalho? Se sim, essa pessoa pode sim ser um melhor parceiro de prestação de contas do que um conhecido ou estranho em quem você não confia.

Razão #5: Saber da concorrência ou de pessoas com as mesmas metas pode desanimar você

como atingir metas

Você já contou a alguém uma grande meta sua, apenas para que ele mostrasse que há muitos outros tentando fazer a mesma coisa? Embora esse feedback possa ser bem-intencionado, pode prejudicar a realização do seu projeto.

Em um estudo,  pesquisadores descobriram que quando os estudantes percebem que há muita concorrência, eles se esforçaram menos, porque passam a pensar não em “como fazer o melhor possível, mas apenas em “como não perder”.

Por isso, pode ser melhor manter sua meta audaciosa para si e ignorar a concorrência.

Porém, uma área onde pode existir uma competição saudável é nos exercícios físicos.

Na Universidade da Pensilvânia, quase 800 alunos passaram por um programa de exercícios de 11 semanas e foram aleatoriamente escolhidos para uma das quatro categorias: individual, suporte à equipe, comparação individual e comparação de equipe.

E quais foram os resultados?

Aqueles que estavam em uma atmosfera competitiva assistiram a 90% mais aulas de exercício do que aqueles que não estavam.

Consistente com os resultados da pesquisa da Universidade da Pensilvânia, um estudo da Rutgers University (em inglês) revelou que os participantes tiveram melhor desempenho quando competiam contra os outros em uma tarefa física, mas não em uma tarefa mental.

Portanto, se você quer saber como atingir metas relacionadas à exercícios físicos, como treinar para uma maratona, perder peso ou melhorar seus tempos de natação, uma pequena rivalidade pode melhorar seus resultados.

Anote esta dica: sua meta está relacionada com exercícios físicos? Nesse caso, ter competição para motivar você pode realmente ajudar.

Então, como atingir metas?

Como qualquer dica, não são todas que servem para todo mundo. Da mesma forma, esses estudos podem lhe ter trazido informações relevantes até certo ponto.

Acima de tudo, o que essas pesquisas sugerem é que, se você pretende compartilhar suas metas, faça isso de forma estratégica.

Antes de contar seus planos para alguém, pense em como isso pode afetar, de verdade, suas chances de alcançar a meta.

Isso é o que mais importa quando o assunto é "como atingir metas".

Embora eu não tenha publicado o meu romance após ter divulgado esse objetivo para todos que eu conhecia, não estou muito chateada por ter abandonado o projeto.

Isso porque, desse ponto em diante, mudei meu foco para os livros de não-ficção.

Então, isso quer dizer que estou escrevendo uma biografia agora?

Eu não disse nada, viu?! 😅


Seja um feedback negativo ou positivo, adoraríamos ouvir o que você acha. Escreva para atendimento@trello.com.

Leia mais: Os quatros Ps: como alcançar suas metas e objetivos pessoais com OKRs e o Trello