<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=44935&amp;fmt=gif">

Como estudar sozinho e tirar o máximo do aprendizado independente sem perder o foco

como estudar sozinho
 “Pode se dar os parabéns.”

Quando foi a última vez que você ouviu essa frase? Esse pequeno gesto autocongratulatório vêm sempre no imperativo. Alguém te disse que você foi bem, e que você deve se dar os parabéns.

Mas o que acontece quando você decidiu aprender alguma coisa de forma independente? Como estudar sozinho? Como você vai medir seus sucessos e fracassos? A principal das preocupações: como você vai saber se merece se dar os parabéns?

Aulas Online e e-learning estão a cada dia mais populares, e estudos mostram que estão se tornando meios populares e divertidos de aprender.

estudar sozinho
A chegada de um mundo de conhecimento compartilhado e aberto e o potencial para a autoinstrução não vem sem dificuldades. Vamos olhar mais de perto algumas dificuldades que vêm de determinar seu próprio progresso e sucesso no âmbito da autoeducação, e vãos explorar alguns métodos para atualizar seu potencial e saber como estudar por conta própria.

Como estudar sozinho por conta própria

Repensar expectativas educacionais

É o seguinte: você é humano e você trabalhou duro para se aperfeiçoar em algum aspecto ou outro. Ótimo! Naturalmente, você quer ver seu progresso para que você possa decidir se seu tempo está sendo usado de maneira eficiente.

Aqui é onde a porca torce o rabo. Se qualquer parte de você se medir usando os padrões de avaliação da educação tradicional, até mesmo de maneira subconsciente, então você pode sentir que você não está chegando a lugar nenhum.

Um dos segredos de como estudar sozinho é entender que você tem que se lembrar de que você não tem um professor para te dar notas, nem colegas de turma com quem se comparar. É só você.

Então você tem que fazer alguma mudança. O Trello pode ser uma ferramenta extremamente útil para superar esse problema de medir o progresso de maneira simples.

Mostrar seu trabalho (um exemplo do mundo real)

como estudar sozinho

Vamos falar de pôr a teoria em prática para estudar sozinho. Quando eu estava na escola, eu tive que fazer aulas de francês, mas eu nunca me dediquei muito a meu aprendizado de línguas estrangeiras. Só consegui falar algumas frases essenciais para me virar. Algum dia eu gostaria de ir à Europa, então agora é a hora de tentar melhorar meu vocabulário.

Encontrei um curso grátis online onde eu posso estudar sozinho no meu ritmo e que parece ajudar muito! Ele até tem um fórum onde alunos podem conversar e se juntar para praticar o que eles aprenderam ao longo das videoconferências.

O curso tem quatro unidades, então meu quadro irá refletir em qual unidade estou trabalhando atualmente. Quando eu acabar a unidade, vou arquivar os cartões dos quais não preciso mais, e manter os que ainda serão úteis para a próxima unidade.

Meu quadro opera da esquerda para a direita: incompleto a completo. Na esquerda, eu tenho recursos que podem ser úteis, sites marcados, e qualquer anotação à qual eu tenha precisado fazer referência durante o curso.

como estudar sozinho
Em seguida, todos meus trabalhos estão listados à direita. O trabalho em que estou trabalhando atualmente é colocado na lista “Fazendo”.

Quando termino um trabalho, o coloco na lista “Concluído”. Ao longo do curso, ao avançar nas unidades, vou arquivando meus trabalhos concluídos, os eventos aos quais eu fui, e qualquer cartão que não for mais relevante a onde estou no curso (mas que possa ser relevante para depois).

Cartões bloqueados: não posso fazer

Às vezes eu marco uma lista inteira como “Bloqueado”. A lista Bloqueada contém todos os cartões que dependem de recursos externos antes de serem marcados como concluídos.

Digamos então que eu precise terminar uma redação, mas que não possa fazê-lo até que eu receba uma resposta sobre a introdução do parágrafo que escrevi. Tirei essa ideia de um quadro padrão do Trello utilizado por pessoas que fazem algo chamado “scrum” (que é uma abordagem de organização de equipes e de fluxos de trabalho, especialmente em desenvolvimento de software).

Ter uma lista “Bloqueado” é muito útil para tornar mais visível o que eu posso ou não fazer no momento, o que pode ajudar a reduzir meu stress e dúvidas de como estudar sozinho.

como estudar sozinho

Manter tudo em ordem

Meu processo ajuda a manter tudo em um quadro autônomo. Posso fazer referência ao meu progresso ao longo do curso e posso sempre visitar o arquivo para olhar meus trabalhos anteriores de outras unidades para ver o que realizei.

Ter tudo em um só quadro é especialmente útil. Posso avaliar meu trabalho atual (o que está neste momento no quadro) comparando com o que está no arquivo, sem nunca ter que sair do quadro. Meu arquivo pode detalhar tudo o que realizei, o que não consegui fazer, as críticas que recebi, etc. E posso ver tudo isso só batendo o olho.

Agora, decidi que mereço sim meus parabéns – bem rapidinho - sempre há mais para aprender.

Veja mais: ENEM: A preparação é a chave para o sucesso