Quer melhorar a produtividade? 4 exemplos fantásticos da natureza

Melhorar a produtividade

Todo mundo conhece a fábula da formiga e da cigarra. Porém, a ideia agora não é lhe contar uma historinha para você extrair lições de produtividade.

Na verdade, a proposta é trazer fatos reais que acontecem na natureza e que você pode usar como modelo.

A natureza é um belo exemplo de otimização. Ela possui diversos sistemas funcionando perfeitamente. E, muitos deles, temos certeza que sempre funcionaram sem falhas, como a Proporção Áurea: um fascinante padrão de medidas que é encontrado repetidamente nas estruturas de plantas e criaturas marinhas, ou os horários das marés, que podem ser acompanhados com precisão de minutos, todos os dias.

Esses comportamentos e padrões são fenômenos naturais que dependem exclusivamente de eficiência e produtividade. Por isso, os seres humanos podem muito bem aprender uma ou duas coisinhas sobre como melhorar a produtividade com a natureza.

Bem, só aquela história de devorar os próprios filhotes - que a gente vê às vezes no Discovery Channel - que talvez não seja uma boa ideia...

Águas vivas e uma aula sobre qualidade de vida

Pegar umas dicas com um dos animais mais eficientes em termos de uso de energia, não é uma má ideia. Além de ser responsável por literalmente misturar as águas dos oceanos, a água-viva se impulsiona para a frente usando um método de sucção que tem impressionado cientistas e engenheiros.

Para se mover para frente, a água-viva deve se contrair e depois relaxar, para que, só então, uma segunda onda de movimento ocorra. Sem o passo crucial de relaxar entre as duas contrações, não haveria movimento.

E é exatamente este pequeno intervalo entre as contrações que faz das águas-vivas uma das criaturas mais produtivas do planeta!

Melhorar a produtividade 

Você já deve ter ouvido falar que relaxar e dar uma pausa ao seu cérebro é uma excelente maneira de como melhorar a produtividade no trabalho. Mas como exatamente podemos aprender isso com uma água-viva?

Bem, seu cérebro (o seu mesmo, e não da água-viva, se ela tiver) é um músculo poderoso.

Um músculo que está constantemente tomando decisões (35.000 em média por dia!) e recebe estímulos do ambiente a todo momento.

Sem interrupções produtivas, você corre maior risco de esgotamento, ansiedade e, na maioria das vezes, ao invés de melhorar sua produtividade, faz com que ela diminua.

Pausas produtivas, como dar um volta ou organizar sua mesa, não apenas limpam seu espaço mental, mas também aumentam sua capacidade de fazer mais, logo a seguir.

E tome nota: as águas-vivas não economizam nas pausas. Essa é uma parte vital do seu modo de ser.

Por que você não tenta marcar uns minutinhos de descanso em sua agenda, para garantir que você relaxe com a mesma eficiência das águas-vivas?

Escute o conselho da singela água-viva: não há como avançar sem relaxar um pouco, de vez em quando.

Zombando (ou zunindo?) como as abelhas

O que quer dizer “zzub zzub”? Uma abelha voando de costas!

A piada pode ser infame, mas a ciência nunca é!

As abelhas podem mesmo voar para trás, assim como "falar" umas com as outras, usando feromônios e dança. É isso mesmo, por meio de uma "dança das chacoalhadas", uma abelha conta para suas colegas operárias onde a fonte de alimento mais próxima se encontra em relação ao sol e a que distância está (vídeo em inglês):

Outros membros da colmeia podem até definir um novo local para a colmeia através dessa dança, quando decidirem que é hora de mudar de casa.

Saber planejar com antecedência e se comunicar corretamente é fundamental tanto para as abelhas como para outros seres vivos que querem descobrir como melhorar a produtividade da equipe.

Por exemplo, você tem uma reunião com um time que trabalha remoto? Tenha certeza de que não vai acontecer de alguns funcionários se reunirem em uma sala enquantos os outros que trabalham remotamente se comunicam por videoconferência.

Uma comunicação eficaz significa fazer o que é melhor para sua colmeia. Por exemplo, no Trello, a regra é: se uma pessoa estiver se comunicando via videoconferência, então, TODOS se comunicarão da mesma forma.

Não só reuniões, mas a moral geral da equipe é outra coisa que as abelhas não descuidam. A única vez que elas saem sozinhas é quando estão procurando informações e tentando polinizar.

Certifique-se de que seu time se comporte de maneira semelhante. Trabalho duro e pesquisa são coisas que se pode fazer sozinho sem problemas, mas e grandes projetos?

Comunique-se (pelo menos) uma vez por semana sobre atualizações importantes para garantir que seu time não esteja se sofrendo do "efeito silo". Isto é: mantendo as informações isoladas, ao invés de manter todos informados.

Não importa se você faz parte de um time que trabalha remoto (e em fusos horários diferentes), ou de um time que se reúne em volta da mesa.

Defina qual é a "dança das chacoalhadas" que sua equipe entende melhor.

Mesmo que - literalmente - dançar com seu time possa ser um tipo de reunião divertida, manter uma comunicação básica e eficiente sobre o que será feito no futuro é uma maneira simples de como melhorar a produtividade da equipe.

Gerenciando seus "antropóides”

Macacos da espécie vervet são nativos da África do Sul e conhecidos por sua interessante estrutura de comunicação para alertar o bando.
Ao contrário das abelhas, esses macacos vocalizam alto ao transmitir uma mensagem, especialmente uma mensagem dizendo: "Cuidado, tem um predador na área!". Os macacos vervet gritam um aviso diferente para cada tipo de predador que representa uma ameaça para eles. Serpente? “Suba em uma árvore.” Águia? "Fique no chão."

Porém, o que os cientistas acham mais interessante é como os macacos vervets conseguem distinguir entre a fala de um adulto e a de um jovem. Se um adolescente emitir um alarme, os adultos aguardarão até que outro adulto verifique se a mensagem do menor faz sentido.

Preconceito? Não é isso. Na verdade, os jovens não entendem completamente “a gíria” dos vervets e, muitas vezes, confundem os sinais de alerta.

Isso poderia significar erros fatais para a sobrevivência do bando. Esse sistema evita que eles saltem para o chão quando uma cobra está na área, ao invés de fugir para as árvores.

Assim, os vervets não estão menosprezando os jovens. O bando entende que os erros fazem parte do processo de aprendizagem e usam outros adultos como um sistema de verificação.

A produtividade no trabalho de qualquer time depende de um sistema para capacitar novos colegas de equipe, além de prever erros comuns.

Então, da próxima vez que alguém fizer uma apresentação meio fraca para o time ou “responder a todos” em um e-mail, não deixe de ativar o sistema de verificação “adulto”.

Erros acontecem, mas não deixe que acabem com a produtividade da equipe.

Plantas e produtividade

Talvez um dos hacks mais fáceis de como melhorar a produtividade seja esta descoberta: as plantas aumentam a felicidade no local de trabalho e até melhoram a memória.

Segundo a American Psychological Association, o “espaço mais tóxico” para os seres humanos é aquele sem plantas ou fotografias. Os cientistas observam como a cultura minimalista e "enxuta" de alguns escritórios está fazendo mais mal do que bem.

Colocar uma plantinha em sua mesa pode melhorar sua produtividade em 15%. E não só isso, mas também melhorar a qualidade do ar e aumentar o foco da equipe em geral.

Melhorar a produtividade

Outra dica das plantas é como a luz natural ajuda você a se dar bem!

Pesquisam evidenciaram que, assim como as plantas, os funcionários que trabalham exclusivamente sob luz artificial têm um sono de qualidade inferior e, por isso, prejudicam a própria saúde.

Está na hora de colocar uns vasinhos de azaleias em sua mesa e abrir a janela para tomar um solzinho, né?

Partiu selva?

Quando você está preso na frente de uma tela por quase 50 horas por semana, é difícil ver como os seres da “floresta” fazem para ser mais produtivos.

Porém, você não precisa estar lá fora para aproveitar os truques que eles têm nas mangas (ou nos tentáculos).

Acontece que ser eficiente e saber como trabalhar em equipe é o que a maioria dos seres vivos está buscando.

Quer sejam pequenos ajustes na decoração do seu escritório ou mudanças na maneira de encarar o trabalho em equipe, a sua próxima inspiração para melhorar a produtividade no trabalho pode simplesmente estar na natureza.

Leia mais: Como melhorar o ambiente de trabalho com uma mudança de ares e o “efeito cafeteria”