<img height="1" width="1" style="display:none;" alt="" src="https://dc.ads.linkedin.com/collect/?pid=44935&amp;fmt=gif">

O que são modelos mentais? Seus atalhos para ser mais produtivo

o que são modelos mentais

Todas as pessoas têm a sua própria maneira de olhar para o mundo. 

A forma como se vê o mundo e tudo o que existe nele (você mesmo, seu trabalho, seus relacionamentos, seus objetivos... literalmente tudo) é única — você vive esse mundo através de lentes construídas por uma mistura de crenças, experiências, vieses e opiniões.

Mas essas lentes nem sempre são a forma mais inteligente de olhar para as coisas.

Por exemplo, quando você se depara com um problema novo, você não tem a experiência necessária para resolvê-lo. Então, enfrentá-lo com suas própria lentes não vai lhe aproximar da solução.

É aí que você precisa entender o que são modelos mentais.

Modelos mentais permitem que você olhe para o mundo através de lentes testadas e sem vieses, para lhe ajudar a encontrar soluções para problemas que podem estar fora das suas experiências vividas.

Eles podem não apenas ser incrivelmente úteis em oferecer um entendimento mais profundo sobre o mundo ao seu redor, como também podem lhe ajudar a crescer na carreira.

o que é modelo mental

Mas o que são modelos mentais, exatamente? Como eles funcionam? E como você pode usar modelos mentais para examinar seus próprios pensamentos, crenças e comportamentos, assim como aprimorar a sua vida profissional durante o processo?

Nós conversamos com Thomas Oppong, fundador do AllTopStartups e criador de Thinking in Models, um curso que passa a sua visão especializada sobre o que são modelos mentais e como aplicá-los para crescimento profissional — inclusive que tipos de modelos mentais você deve adotar para ter sucesso na carreira.

O que são modelos mentais?

Primeiro de tudo, antes de explicarmos como modelos mentais podem mudar o rumo da sua vida e carreira, vamos ver exatamente o que são modelos mentais. Thomas Oppong explica: 

“Eu acho que a definição básica de modelos mentais é a seguinte: ferramentas, idéias, princípios e percepções que usamos consistentemente para tomar melhores decisões ou para entender a vida. Portanto, cada princípio... que usamos no nosso dia a dia, seja nos negócios, na carreira ou na vida, podem ser considerados modelos mentais.”

Então aquelas lentes sobre as quais falamos antes, com que vocˆê enxerga o mundo? 

Pense nelas seus próprios modelos mentais pessoais. Mas existem outros tipos de modelos mentais (ou outras lentes pelas quais se pode ver as coisas) que você pode aplicar a situações específicas que lhe darão um nível mais profundo de compreensão e percepção do que você seria capaz de tirar das suas próprias experiências pessoais. Isso, por sua vez, pode lhe ajudar a tomar melhores decisões e resolver problemas facilmente.

Vou usar a mim mesma como exemplo. Eu sou uma escritora e sou muito boa com as palavras (modéstia à parte). Mas números? Nem tanto. Então, se eu tentasse descobrir o quanto preciso economizar todo mês para me aposentar confortavelmente daqui a uns 30 anos — usando apenas o meu próprio conhecimento e experiência — eu não saberia nem por onde começar (guardo US$50 por mês, cruzo os dedos e rezo para dar certo?).

Mas, felizmente, eu não tenho que ver esse problemas com as lentes da minha própria experiência. Existe um modelo mental para isso!  

O Juro composto é um modelo mental que, quando aplicado a situações de investimentos (como aposentadoria), pode ser usado para calcular a quantidade de juros acumulados ao longo de um determinado período.

Então, em vez de quebrar a cabeça tentando descobrir quanto economizar por mês, eu posso aplicar o modelo mental de juros compostos e pronto! Resolvido o problema do planejamento de aposentadoria.

tipos de modelos mentaisFonte: The Motley Fool

Simplificando o que é modelo mental: trata-se de uma explicação de como as coisas funcionam. 

Um modelo mental orienta nosso pensamento, dando acesso a essas “lentes” ou fórmulas, que de outro modo não seriam acessíveis, para incrementar nossas habilidades de resolução de problemas e tornar o processo de tomada de decisão mais fácil e rápido. Oppong explica: 

“Os modelos mentais têm muito a oferecer porque... as pessoas experimentam formas diferentes de melhorar as coisas e de tomar melhores decisões. Assim, elas compartilham esses princípios e idéias com outras pessoas.

Então, à medida que mais pessoas encontram e aplicam esses modelos mentais no seu dia-a-dia, o processo de tomada de decisão é facilitado para a gente fazer melhores suposições ou tomar melhores decisões.” 

Em poucas palavras, os modelos mentais podem nos ajudar a pensar além das nossas próprias experiências e fornecer uma espécie de “atalho” mental, tornando mais fácil, rápido e eficiente encontrar soluções para problemas.

Qual a relação entre modelo mental, produtividade e sucesso?

Certo, então agora que você sabe o que são modelos mentais, vamos falar sobre como eles funcionam e, em particular, como eles estão relacionados à sua carreira, sucesso e produtividade

Há diferentes maneiras de um modelo mental lhe ajudar a aumentar a produtividade, fazer mais e levar sua carreira para o próximo nível. Isso inclui:

  • Reduzir o tempo de resolução de problemas. Imagine se você tivesse que começar do zero a descobrir como resolver um problema toda vez que se deparasse com um ao longo do dia? Ao aplicar modelos mentais, você pode entender o problema de forma mais fácil e rápida e, o mais importante, chegar a uma solução melhor e mais produtiva.

  • Abrir sua mente para formas novas e diferentes de pensar. Como mencionado, todos nós temos uma maneira única de olhar para as coisas, mas, às vezes, esse olhar único pode nos limitar. Ao aplicar modelos mentais, você pode se retirar da situação e abordá-la a partir de uma posição mais objetiva. Sabe aquela disposição para abrir a cabeça e ver as coisas através de novas lentes? Ela é a chave para o crescimento — tanto pessoal quanto profissional.

    “Uma vez que você tem abertura para aprender e usar diferentes modelos mentais, você provavelmente será capaz de identificar os vieses, armadilhas ou preconceitos mentais que estão lhe impedindo de crescer”, diz Oppong.

  • Ajudar você a se tornar mais adaptável. As pessoas mais bem-sucedidas são aquelas que podem enfrentar as adversidades e se adaptar às coisas como elas são. Quanto mais modelos mentais você compreender, mais aptidão terá para ver as coisas a partir de uma variedade diversa de perspectivas — e também mais adaptável e flexível para resolver problemas. 

Tipos de modelos mentais para turbinar sua carreira

Bom, agora você já sabe o que é modelo mental. Você também sabe como ele pode lhe trazer mais produtividade. Agora vamos ver os tipos de modelos mentais específicos que você precisa adotar para ter sucesso na carreira.

Círculo de competência

O modelo do círculo de competência foi desenvolvido por Warren Buffet e, embora tenha sido originalmente utilizado como uma forma de guiar decisões de investimento, também é extremamente relevante para os negócios.

Seu círculo de competência são as áreas em que você se destaca. Você deve ficar sempre dentro desse círculo. Se você se mover para fora (e focar em tarefas nas quais você tem um entendimento ou experiência limitados), você não será tão eficaz — e, como resultado disso, sua produtividade vai cair.

o que são modelos mentais

Fonte: Farnam Street

Então, por exemplo, digamos que você é o CEO de uma startup, e seu círculo de competência inclui atrair investidores, orientar sua equipe e elaborar estratégias de visão geral.

Se você quiser que sua empresa tenha sucesso, é aí que precisa gastar seu tempo; se seu foco estiver em tarefas fora do seu círculo de competência (por exemplo, gerenciar orçamentos ou escrever copy para mídias sociais), você terá uma baixa produtividade — e sua startup vai sofrer as consequências

Tire um tempo para identificar o seu círculo de competência. Pergunte-se: 

  • No que eu sou bom ou boa?
  • O que eu amo fazer? 
  • Onde eu me destaco? 

Então, use seu tempo e energia nessas áreas — e descubra como delegar tarefas que estão fora do seu círculo de competência (contratando um assistente, por exemplo).

Incentivos (Recompensa ou Punição)

O modelo mental de incentivos diz que todas as coisas vivas (inclusive humanos) são inerentemente orientadas pelo incentivo — quando você entende esse princípio, pode aplicá-lo ao seu trabalho e se incentivar a executar as coisas.

Por exemplo, há algo na sua lista de tarefas que você teme todos os dias? Se você responde mais positivamente a incentivos (ou recompensas), pode dizer a si mesmo: “Se eu conseguir a tarefa XYZ até as 12h, eu posso tomar um café gelado no almoço.” 

o que é modelo mental

Se você é o tipo de pessoa que responde melhor a incentivos mais negativos (isto é, punição), pode dizer a si mesmo “Se eu não conseguir fazer a tarefa XYZ até as 12h, não terá café gelado no almoço hoje.” 

De qualquer forma, a recompensa ou punição é o incentivo que você precisa para enfrentar sua temida tarefa de trabalho, tornando mais fácil de realizá-la — e aumentando sua produtividade no processo.

Modelo de minimização de arrependimento

Às vezes, a decisão que oferece uma sensação instantânea de gratificação não é a melhor ou a mais produtiva — é aí que o modelo de minimização do arrependimento entra em jogo.

"Um modelo mental que também acho muito útil é... o Modelo de Minimização de Arrependimento," diz Oppong. 

Desenvolvido pelo CEO da Amazon, Jeff Bezos, o modelo de minimização de arrependimento permite que você pense para além do momento presente e lhe ajuda a tomar melhores decisões para o seu futuro. 

Oppong explica: 

"Sempre que você toma uma ação, em vez de apenas escolher o que seria benéfico no curto prazo, você foca no longo prazo. Não apenas os próximos cinco ou dez anos, mas os próximos 15 ou 20 anos."

Esse modelo mental oferece uma estrutura para avaliar suas decisões e como elas irão impactar o seu sucesso e bem-estar no longo prazo.

Então, por exemplo,  digamos que lhe ofereçam uma promoção no trabalho, mas isso exigiria que você trabalhasse por mais horas. Se você está pensando apenas no benefício de curto prazo, pode surgir a tentação de dizer não (afinal, quem quer trabalhar até tarde quando se tem Netflix para assistir?!) Mas, ao aplicar o modelo de minimização de arrependimento, você pode avaliar como essa decisão vai ter impacto no longo prazo e perceber que, em 10 anos, você provavelmente se arrependeria de recusar a promoção para ter mais tempo de Netflix.

A lei dos rendimentos decrescentes

A lei dos rendimentos decrescentes é definida como "o ponto em que o nível de lucros ou benefícios recebidos é menor do que a quantidade de dinheiro ou energia investida" — você pode usar esse modelo para maximizar sua eficiência e garantir que está recebendo o máximo de dinheiro por sua produtividade.

E qual o segredo para usar a lei dos rendimentos decrescentes com sucesso? 

Identificar o “ponto” em que a energia supera o benefício e certificar-se de trabalhar até esse ponto, mas nunca ultrapassá-lo.

Aqui está um grande exemplo da lei dos rendimentos decrescentes: o número de horas que você trabalha todos os dias. 

tipos de modelos mentais

Todo mundo atinge um ponto em que não tem mais caldo para tirar, ou seja, quando estão "trabalhando," mas há tanta exaustão mental que não compensa o esforço.

Identificar a hora do dia em que você atinge esse ponto — e trabalhar até esse momento, e nem 1 minuto a mais — vai ajudar a maximizar sua produtividade todos os dias (sem chegar à síndrome de burnout e seus sintomas).

Mentalidade Fixa e de Crescimento

De acordo com esse modelo mental, introduzido pela psicóloga e pesquisadora de Stanford, Carol S. Dweck, no livro Mindset, há 2 formas de ver a si mesmo: com uma mentalidade fixa ou de crescimento.

Se você tem uma mentalidade ou mindset fixo, então sua tendência é acreditar que, você não muda o que você é — incluindo suas competências, talentos e habilidades. "Pau que nasce torto, nunca se endireita" é uma lema que reflete bem esse mindset.

Já a mentalidade de crescimento é o oposto. É a crença de que suas competências, talentos e habilidades estão em constante evolução. Sempre existe a possibilidade de mudar e, como o nome "crescimento" indica, de crescer.

Quando você enxerga a sua carreira com uma mentalidade de crescimento, você sempre terá uma porta aberta para novas oportunidades de aprendizado, crescimento e mudança — não importa quanto sucesso você tenha. 

"Se você tem um mindset de crescimento, é capaz de crescer... onde quer que você se encontre, mesmo se estiver no topo do mundo corporativo, ainda assim poderá crescer,"diz Oppong.

Adotar um mindset de crescimento não trará apenas mais sucesso e produtividade para sua carreira, como também mais entusiasmo. Quando você tem abertura para crescer, aprender, mudar e evoluir, o céu é o limite!

O que é modelo mental? check! ✔️

Todo mundo tem sua própria maneira de enxergar o mundo. Sabendo o que é modelo mental você amplia suas perspectivas e encontra novas, diferentes e mais eficientes maneiras de pensar e de trabalhar — o que é um fator chave para aprender como ser mais produtivo e levar a sua carreira para outro nível, desfrutando do sucesso que você merece!


Traduzido e localizado com amor por Mathias Luz.

Seja algo negativo ou positivo, adoraríamos ouvir o que você acha. Escreva para atendimento@trello.com.

Leia mais: Como tomar melhores decisões com bons hábitos para o cérebro