5 Exercícios de team building: defina e alcance suas metas

team building

Imagine sua empresa como um time de remo, só que cada um remando em uma direção diferente. Vocês não só perderiam a corrida, mas, provavelmente, virariam o barco... é, um programa de team building ajudaria bastante, aqui.

Ou imagine dois integrantes do time se recusando a remar porque não sabem para onde ir: sem rumo, fazendo os outros membros do time ficarem bastante desanimados e desmotivados. Agora, se uma equipe de remadores remar unida em direção a um objetivo final, aí sim as coisas vão pra frente e a vitória é quase certa.

A mesma coisa acontece nos negócios. Uma recente pesquisa revelou que pequenas e médias empresas (PMEs) americanas que definem e acompanham metas são duas vezes mais capazes de alcançar seus objetivos do que aquelas que não fazem isso.

Se os membros da sua equipe sabem aonde querem chegar juntos, todos serão capazes de tomar decisões estratégicas para fazer melhorias, tanto independentemente como em grupo.

Para isso, eles precisam saber de 3 coisas:

  • Quais são seus objetivos?
  • Como a empresa está acompanhando o alcance desses objetivos?
  • Qual impacto esses objetivos estão tendo, especificamente?

Isso não significa que você tem que compartilhar cada número disponível com o CEO – isso só irá causar uma confusão enorme. Em vez disso, o que você tem que fazer é compartilhar dados relevantes, que realmente tenham impacto no trabalho de sua equipe.

Bom, depois disso, aqui estão 5 exercícios de team building que vão deixar você no caminho certo para definir as metas e alcança-las:

Defina sua missão: a marca que você quer deixar!

team buildingCom certeza você está construindo alguma coisa incrível que as pessoas podem (e querem) fazer parte. Os membros de sua equipe atual estão com você provavelmente porque são apaixonados pelo problema que estão resolvendo ou a oportunidade que estão criando.

Uma das melhores dinâmicas de team building para se começar pode ser unir toda essa paixão em uma declaração de missão.

E comunicar essa missão de uma maneira efetiva e consistente para novos membros da equipe é crucial e pode ser um desafio.

Quando estiver elaborando e divulgando sua missão, foque nas melhores práticas:

  • Simples e clara: sua declaração de missão deve ser fácil de entender.
  • Honesta e autêntica: ela deve refletir o que seu negócio faz e as mudanças que ele quer fazer. Isso deve se refletir nas ações diárias de toda sua equipe.
  • Evidente: deixe a declaração de missão onde todo mundo na sala ou na sua equipe possam ver. Vai funcionar como um lembrete do “Por quê” deles trabalharem duro todo dia.
  • Arrojada: sua declaração de missão é uma oportunidade de demonstrar a personalidade e cultura de sua empresa.

Defina os objetivos de sua empresa: como você vai alcançar essa marca

Infelizmente, essa fantástica declaração de missão que você acabou de escrever não é suficiente para deixar toda sua equipe focada no crescimento dos negócios. O trabalho de team building vai um pouco além disso. Acima de tudo, você precisa de dinheiro para fazer essa missão criar vida. E não é de golfe ou outro esporte individual que estamos falando: negócios é um esporte coletivo!

Sua empresa precisa de outros objetivos financeiros e de crescimento para definir como sua equipe vai atingir suas metas. Para ajustar os objetivos em uma dinâmica de team building, cada departamento e membro de equipe deve definir suas próprias metas que vão fazer a empresa se aproximar da missão. Faça esses objetivos claramente definidos e mensuráveis. De outra forma, sua equipe será incapaz de acompanhar seus progressos em relação a esses objetivos.

Uma maneira de definir objetivos mensuráveis é identificando métricas-chave (com um objetivo-alvo) para cada pessoa, usando o modelo de cascata. Para ilustrar, vamos dizer que o objetivo geral da empresa é aumentar a Receita Mensal Corrente em X% neste trimestre. Um KPI de uma equipe de marketing pode ser aumentar as assinaturas na quantidade que forem necessárias para atingir a meta de Receita Mensal Corrente.

Escalonando a métrica geral mais adiante, um objetivo de marketing de conteúdo poderia ser aumentar as sessões orgânicas no número que forem necessárias para aumentar as assinaturas em direção do objetivo do marketing. Em outras palavras, não corra atrás das metas em cascata, você deve defini-las claramente!

Acompanhar e divulgar os KPIs é importante também. 77% das empresas pesquisadas que não definiram regularmente um KPI de monitoramento (Indicador-chave de performance) continuaram pequenas em escala. Aquelas que definiram e acompanharam KPIs estão muito mais propensas a atingir seus objetivos: 96% atingiram alguns deles e 41% todos eles!

Escolha sua estrutura para definir prioridades

AVISO: definir objetivos pode te deixar de mão atadas, rapidinho. Com cada meta definida, surgem mil maneiras diferentes de atingi-las. É bem provável que você e sua equipe apareçam com uma lista enorme de ideias e táticas diferentes para atingir cada meta. Para fazer um team building que funcione, e tornar sua equipe focada em resultados, priorize cada uma destas atividades para manter todo mundo remando na mesma direção.

Existem diversas estruturas, templates e frameworks que foram testados e se provaram efetivos para diferentes equipes. Nenhum deles serve para todo mundo, então tente vários até achar aquele que funciona melhor para o seu time. Depois, é bom fazer ajustes para ver qual se encaixa melhor. Aqui têm alguns deles para começar:

The Golden Circle: Ou Círculo Dourado, em português, cunhado por Simon Sinek em uma palestra do TED Talk sobre Como Grandes Líderes Inspiram Ação, esse esquema também é conhecido como “Comece com o por quê”. A ideia é perguntar a você mesmo, “Por que nós estamos fazendo isso e como isso ajuda a alcançar nossa missão?” quando analisar cada atividade. Depois, você pode descobrir como você vai chegar lá e, em seguida, o que o produto ou serviço vai ser.

team building

O porquê da Apple é desafiar o “status quo” e fazer as coisas de um modo diferente. Eles fazem isso (seu como) criando produtos com um belo design que é amigável, fácil de usar. O seu o que (o que eles vendem) são computadores, smartphones, tablets, relógios e outras coisas como estas, todas elegantes, poderosas e fáceis de usar.

Buyers Personas: Outra opção é começar sua priorização definindo quem em seu público-alvo irá beneficiar cada atividade. A ideia é se assegurar que cada atividade é intencionalmente criada para um segmento em particular de sua audiência. Mais que usar o esquema “Comece com o porquê”, você vai se perguntar a si mesmo “Quem vai se beneficiar disto?” se a resposta não for a pessoa que mais provavelmente vai se envolver com esta ação, esta atividade deve ter uma prioridade menor.

Defina métricas para medir seus progressos

Seu programa de team building ainda não terminou! Se você vai passar todo tempo definindo objetivos e priorizando projetos, você deve medir o impacto dessas atividades.

De outra maneira, toda essa atividade que você está fomentando só vai gerar agitação e fazer espuma, mas não vai mostrar se todo o trabalho da equipe está levando aos objetivos estipulados.

Definir métricas é importante para o team building e em nível individual também. Como as ideias são geralmente despertadas pela motivação, - é por esse motivo que isso aparece em nossa lista de como exercitar o team building.

Seja transparente com cada um sobre como seus esforços estão contribuindo para os objetivos da equipe, assim todos poderão melhorar o desempenho e descobrir um jeito de causar um impacto ainda maior.

Da mesma forma que a priorização, existem diversos frameworks e esquemas para definir suas métricas – dependendo do que funciona melhor para sua equipe.

As opções incluem Métricas Pirata, Métricas IPA (Importante, Potencial de Melhoria e Autoridade), ou OKRs (Objetivos e Resultados-Chave). Não importa qual esquema você use, todas as métricas-chave devem ser rastreáveis, importantes e explicáveis.

Nós vamos focar em OKRs, já que é o que usamos na Geckoboard para definir métricas para a equipe de marketing. Inventado pela Intel e popularizado pelo Google, OKRs são estabelecidos dividindo cada objetivo em 2 perguntas: “O que você está tentando alcançar?” (objetivo) e “Como você vai chegar lá?”.

Para definir OKRs efetivos, tenha estes princípios em mente:

  • Defina um cronograma (normalmente se usa um trimestre)
  • Foque em crescimento (seus objetivos devem ser competitivos)
  • Defina em conjunto com sua equipe (definir OKRs deve ser um esforço do grupo)
  • Use resultados mensuráveis (quantifique-os com números para cada um)

Aqui um exemplo de como OKRs devem se parecer para uma equipe de marketing:

exemplo de OKR

E se eles forem divididos para uma função específica da equipe de marketing:

exemplo de OKR 2

Quando estiver medindo seus resultados-chave no final do período, classifique-os em uma escala de 0,0 a 1,0. Como os objetivos são propositalmente ambiciosos, o resultado bom é em torno de 0,6 ou 0,7. Se você está atingindo 1,0 nos seus resultados-chave, você não está definido objetivos suficientemente grandes. É importante notar que estas escalas não devem ser usadas para medir o desempenho, mas como uma maneira de medir a eficiência de suas táticas.

Comunique as métricas de uma forma efetiva para seu time

Talvez você fique chocado em saber quantos líderes deixam seus empregados no escuro sobre os resultados da empresa. De acordo com pesquisas, 70% dos que responderam disseram que não tem acesso ao desempenho de sua empresa em uma base diária.

E somente 14% dos negócios monitoram seus KPIs em tempo real. Apesar disso, as empresas afirmam que definir objetivos claros para os funcionários é o fator mais importante para o crescimento dos negócios.

Você tem que dar mais poder à sua equipe com as informações e as ferramentas que elas precisam para tomar decisões estratégicas: os dados que terão maior impacto em seus papéis na companhia.

Aqui está estão alguns exercícios de team building que podem ajudar você efetivamente a comunicar suas métricas e informações para a equipe.

Reuniões Semanais Individuais: reúna-se com os membros de sua equipe semanalmente para revisar seus OKRs, seus progressos nas métricas e qualquer coisa que possa estar atrapalhando seu crescimento.

Reuniões semanais com a equipe: Reúna sua equipe ou departamento uma vez por semana para rever onde vocês estão em relação ao mês ou trimestre, definir prioridades para a semana, compartilhar dificuldades e tudo que alguém possa precisar de ajuda.

É também uma grande oportunidade de fazer um brainstorming sobre desafios e oportunidades que a equipe enfrenta. Na Geckoboard, a equipe de marketing usa o Trello para acompanhar essas reuniões, com cada um contando sobre seus respectivos projetos.

team building

Reuniões gerais mensais com toda a empresa: Normalmente lideradas pelo fundador ou CEO da empresa, este tipo de grande encontro ou convecção é ótimo para compartilhar números de desempenho de alto nível, desafios, oportunidades e, o mais importante, grandes vitórias da empresa.

É um bom momento também para responder qualquer pergunta sobre o desempenho da empresa ou informações que a equipe precisa ter.

Monitores de TV apresentando suas métricas ao vivo: Ao mostrar os KPIs da empresa e de cada equipe em uma tela visível por todos, você está criando uma cultura de transparência e propriedade.

Quadros com dados também são bons para motivar sua equipe para agir em direção às metas quando elas estão ficando para trás.

Conduza exercício de team building adequadamente

Construir uma equipe focada em resultados leva tempo e demanda tentativa e erro. Você não vai acertar logo de cara. (E se conseguir, por favor, compartilhe seus segredos com a humanidade). Esteja aberto a feedback da equipe conforme for passando pelos diferentes exercícios de team building e estiver testando diferentes processos e esquemas. Apenas certifique-se de mensurar tudo que faz, e compartilhar suas descobertas, para conseguir o apoio da equipe!

Você tem se dado bem ao focar sua equipe em resultados e metas? Compartilhe dicas e conselhos (e ferramentas tão fantásticas quanto Trello!).

trilha de produtividade